terça-feira, 6 de julho de 2010

Da laranja fizeram a laranjada

Vencendo o Uruguai por 3 a 2, a Holanda volta a uma decisão de Copa do Mundo após 32 anos

video
Foi hoje novamente que os Laranjas ganharam, e ganharam muito bem, mas não pense que o jogo foi tão fácil assim. Os holandeses vinham para a partida bem confiantes da vitória, é claro, têm um time superior ao dos uruguaios, porém os Celestes não estavam dispostos a facilitar e brigariam pela vaga à final até o último minuto, o que realmente aconteceu.
A primeira semi final da Copa do Mundo 2010 iniciou-se com um lance perigoso de Kuyt contra a meta de Muslera, porém a Holanda não querendo se arriscar, esfriou o jogo, tocando bola no meio de campo. Estavam mesmo esfriando o jogo, mas qualquer brecha dos uruguaios, seria fatal, tanto é que aos 17 minutos, Van Bronckhorst soltou uma bomba do meio da rua e fez um golaço, sem chances para o goalkeeper Muslera.
Seria um chocolate holandes? Não, pelo menos não da parte do excelente jogador Diego Forlán. O gol do Uruguai veio um pouco tarde, mas veio. Faltando apenas 5 minutos para o término do primeiro tempo, Forlán limpou um marcador, arriscou de fora da áreas, e contando com um pequeno desvio do back e com uma falha do goleirão Stekelenburg, empatou o jogo.

Já no segunda etapa, a Celeste Olímpica parecia voltar melhor e dava susto a zaga holandesa, principalmente com Forlán, o maestro da equipe. Eram os uruguaios que dominavam o jogo, mas a Laranja Mecânica percebeu que daquele jeito não iriam a lugar nenhum, a não ser de volta a Holanda, e logo aos 24 minutos do segundo tempo, Sneijder finalizou na entrada e a bola foi para o fundo do gol, após desvio. E já não bastava tomar o segundo gol, que o terceiro veio a tona 3 minutos depois com o atacante Robben, que escorou o bola na trave e entrou após cruzamento de Kuyt. O Uruguai parecia não ter mais forças para continuar, mas ao seu melhor estilo guerreiro diminuiu com Maxi Pereira já nos acréscimos, e na base da garra tentou o terceiro executando uma blitz nos últimos 2 minutos de jogo, porém já era tarde demais. Holanda, finalista, 3, Uruguai, eliminado,2.

Agora, para os holandeses, só resta descansar, repor as energias e assistir pela televisão quem será seu adversário na final: Alemanha ou Espanha. Para mim, o jogo de amanhã será bonito de ver, porém muito acirrado, desgastante, isto é, a chance de ir para os penaltis é enorme, afinal duelaram duas equipes excelentes. Gostaria que a Espanha vencesse por dois motivos: primeiro, para a Alemanha não ir a final e provavelmente ganhar da Holanda, pois se consagraria tetra campeã mundial e ficaria bem perto do Brasil, que é penta; segundo, seria bom para o futebol que a Fúria fosse à final, pois teríamos um campeão inédito, já que Holanda e Espanha nunca subiram ao lugar mais alto do pódio.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails