quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Fracasso, Vexame e Vergonha!

Antes de mais nada, gostaria de dizer, que como fiz com o Sport Club Corinthians Paulista, estou fazendo com a Sociedade Esportiva Palmeiras: colocando os seus respectitvos caixões como uma brincadeira saudável decorrente a rivalidade entre ambos. Muito mais que torcer para tal time, tenho respeito quando "brinco" com algum. Sim, sou Sociedade Esportiva Jornalismo, mas o que tenho que fazer aqui é cobrir o Palmeiras, independente que seja a situação boa ou ruim.

Voltando à tragédia, essas são as palavras que resumem a partida de ontem para o Palmeiras: Fracasso, Vexame e Vergonha. Não sei nem o que dizer à Massa Palmeirense. Simplesmente, ontem no Tobogã, pude sentir como a torcida apoio o time, não parando de cantar sequer um minuto.

Não tenho forças, e nem condições de descrever esta tragédia por completa. O Palmeiras dominou no primeiro tempo, apesar de ter levado o empate no último minuto. E já no segundo tempo, o time como costume de todo jogo recuou até tomar o gol de virada: méritos do Goiás, e falha de Felipão que mexeu mal na equipe. Para variar a zaga palmeirense não subiu nos dois gols, que por sinal foram de bola área.

"Fracasso, vexame, não vamos ficar aqui escondendo nada. Foi vergonhoso mesmo. A torcida tem razão em nos criticar e ficar triste. Eles fizeram o papel dele, e nós não fizemos o nosso"

                                  Luiz Felipe Scolari

"Foi extremamente broxante. O time amarelou. Tomamos o gol e não tivemos poder de reação. Mas o Felipão não tem culpa de nada, armou bem o time, ele tirou leite de pedra.

 Não se pode culpar a atual diretoria também, nós estamos há pouco tempo no comando. Acertamos os salários, as finanças, fizemos o possível, mas eles não corresponderam em campo. A diretoria anterior teve gastos de Manchester e resultados de São Caetano"

                                  Diretor de Futebol, Wlademir Pescarmona

O DESABAFO:Assino embaixo o que Pescarmona e Felipão disseram. Mas não adianta ficar com esse papo: perdemos, sou o culpado, não podiamos perder, não fizemos nosso papel. Chega! Parem com isso. O torcedor palmeirense não quer saber de nada disso. O torcedor que vai ao campo, paga seu ingresso, é obrigação do time ganhar campeonatos. O jogador é pago (e muito bem pago) para ganhar campeonatos, e não para ostentar colocações medíocres, sendo eliminado por um time rebaixado para a Segunda Divisão.

Não estou culpando um específico jogador ou até mesmo o treinador, pois ninguém na equipe ganha ou perde sozinho.

Mas, é bom que seja dito, que a Sociedade Esportiva Palmeiras não é um time em que se joga uma "pelada" no final de semana. Não, não é! O Palmeiras é um clube tradicional brasileiro, e É NECESSÁRIO HONRAR A SUA CAMISA. Ganhar é muito bom, mas quando perder, há que perde ao menos COM HONRA.

Com certeza, nunca mais em minha vida esquecerei desse triste dia, nunca mais.

Não consigo nem descrever a minha sensação de amargura. É um aperto no peito que parece ser eterno, como se tivesse ido ao Estádio do Pacaembu e lá deixado algo que nunca mais resgaterei em toda minha vida...

3 comentários:

Cleber Soares disse...

Danziato,
com certeza uma decepção para entrar para história...coisas do futebol meu caro.... imagine se o verdão tirar pontos do flusão e ajudar o o Corinthians????

BLOG DO CLEBER SOARES
www.clebersoares.blogspot.com

Giovani Mattiollo disse...

Opa, fazia tempo que não passava por aqui, mas estou de volta, hehehe.

Incrível essa derrota do Palmeiras. Mas acho que o Goiás não será campeão. Bom, achava que o Goiás tbm não passaria pelo Palmeiras.

Pelo Grêmio, estou torcendo contra o Goiás.

Muito bom o Caixão, ahahhaa.

Abraço

http://www.gremista-sangueazul.blogspot.com/

Carlos Danziato Junior disse...

Nem pense nisso, Cléber. Nem pense.

Mas pelo que Felipão disse na coletiva, ele dará férias aos titulares e entrará com os reservas.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails